befreela logo 2

13 ideias para ganhar dinheiro – seja de casa ou na internet

ideias para ganhar dinheiro imagem 1

Uma coisa que não falta por aí são ideias para ganhar dinheiro. Porém, entre tantas possibilidades fica difícil escolher uma e saber por onde começar.

Por isto, neste artigo separamos algumas das melhores ideias para começar a faturar e ganhar dinheiro rápido, seja de casa ou da internet.

Aqui, você vai encontrar uma variedade de negócios, desde os físicos até formas de ganhar dinheiro na internet para que não faltem opções de ganhar uma graninha extra sem sair de casa. Além disso, para cada opção, te damos as principais dicas para começar!

Preparado? Vamos lá!

1. Venda itens usados

Sem dúvida alguma, a forma mais rápida e fácil de ganhar dinheiro é vender móveis e eletrônicos usados. Atualmente, há diversos marketplaces onde você pode disponibilizar um anúncio em instantes e vender o seu item com esforço mínimo.

Para eletrônicos, móveis e eletrodomésticos, você pode optar por plataformas populares, como a OLX, o Mercado Livre e o Facebook Marketplace.

Existem outros marketplaces, como Tenor & Pellizzari e Brasil Moedas Leilões, que são mais específicos e se dedicam a venda e leilões de itens raros, o que pode ser uma boa opção também.

Como começar?

Para começar você precisa estipular um preço que ache justo e colocar o seu anúncio no ar. Geralmente, há itens similares ao seu, portanto você pode ter uma base com relação ao preço fazendo uma rápida pesquisa.

É fundamental que você detalhe seu item, antecipando problemas e respondendo possíveis perguntas. Se possível, também informe sobre as condições de entrega.

E não esqueça de mandar bem na foto, afinal elas são sua maior chance de alavancar suas vendas!

2. Venda fotos de Polaroid

Especialmente para quem mora em regiões turísticas, a venda de retratos instantâneos está em alta.

Hoje, muitos fotógrafos têm investido em uma câmera instantânea e ido às ruas para retratar momentos únicos para turistas.

Você pode encontrar diversos tipos de modelos, do mais básico ao mais avançado. Entretanto, uma Fuji Instax Mini já pode ser um bom começo.

Aqui vão alguns modelos:

Como começar?

Geralmente, para realizar vendas em vias públicas você precisa de autorização municipal, então o primeiro passo deve ser se informar à respeito das regras na sua cidade.

Para definir o preço, você deve estipular o custo por foto, tendo em mente o custo do filme da câmera, o valor investido e o lucro que quer ter. Caso haja custos adicionais, como transporte e alimentação, também é fundamental acrescentar na conta.

Uma vez que você chega ao valor por foto mais adequado, basta escolher a sua praça de atuação e começar!

3. Faça encomendas de bolos, trufas e salgados

Uma das ideias mais populares para ganhar uma renda extra é a venda de bolos, trufas e salgados. Por se tratar de algo bem comum, há muita competição nesse segmento.

Porém, muitos empreendedores têm buscado na criatividade uma forma de se diferenciar. Inclusive, ideias simples como colocar salgados em um copo podem impulsionar e catapultar ainda mais os seus ganhos!

Fora isso, vale destacar que a promoção nas redes sociais, o uso de linhas de transmissões no WhatsApp e a integração aos aplicativos de delivery são ótimas formas de aumentar seus rendimentos.

Como começar?

Antes de começar a vender, é imprescindível que você anote e coloque todos os gastos com a produção.

Tente dividir os custos em 40% dedicado à compra de produtos (óleo, bebidas e massas), 15% para os gastos de estrutura (gás, aluguel, luz e água), 25% exclusivo para taxas e custos de envio e os outros 20% para a sua margem de lucro.

Tendo chegado ao preço apropriado do seus produtos, basta começar a divulgá-los para seus conhecidos, amigos, nas redes sociais e em sites e aplicativos de delivery.

4. Trabalhe com a venda dropshipping

Outra ideia é criar uma loja virtual usando o modelo dropshipping. Na prática, ele funciona como uma solução acessível aos interessados em empreender com pouco capital inicial.

Neste modelo, você faz a revenda do produto a partir de um estoque de atacado. Portanto, você não precisa ter o estoque do produto.

Inclusive, é importante destacar que diversos atacados têm trabalhado neste formato de compra e venda. Sendo assim, você pode trabalhar com diversos nichos diferentes.

Como começar?

Falamos sobre como ganhar dinheiro com dropshipping neste artigo, e se você quer saber mais sobre o assunto e começar a investir nesta área, recomendamos que leia o post.

De qualquer forma, aqui vai um resumo: primeiro, você precisa definir o seu segmento de atuação, ou um nicho específico. Na sequência, basta encontrar o melhor fornecedor (plataformas como o Shopify e Oberlo te ajudam a fazer isto de forma fácil) e criar sua loja online.

5. Realize atendimentos de beleza em domicílio

Serviços de beleza à domicílio estão entre os mais populares nos últimos anos.

Hoje há muitos institutos que oferecem cursos pagos profissionalizantes e, felizmente, o custo costuma ser bem acessível.

Fora isso, o material para começar a trabalhar tem um investimento relativamente baixo. Kits para atuar como manicure, por exemplo, ficam entre 200 a 350 reais, garantindo um retorno rápido.

Como começar?

O primeiro passo é se certificar que você possui o conhecimento necessário para realizar um bom serviço.

Na sequência, basta ter o equipamento necessário para começar e fazer a divulgação em todos os canais possíveis: redes sociais, boca a boca, cartazes, etc.

É importante ressaltar que na hora de precificar, você precisa se atentar aos custos do seu negócio, custos com transporte, e quanto você deseja ter de lucro.

6. Venda fotos e vídeos online

Uma ideia bastante popular nos últimos anos é a venda de fotos e vídeos online. Você pode lucrar tanto vendendo suas imagens e clipes em bancos de imagens, quanto em galerias físicas e online como a Urban Arts e Fine Arts America (que cuidam de todo o processo de impressão e entrega).

Os bancos de imagens pagam um pequeno percentual sobre as vendas, e a princípio o valor parece não compensar muito. Entretanto, quanto mais fotos ou vídeos de qualidade você tiver nas plataformas, mais chances tem de faturar uma grana extra.

Já as galerias, por venderem produtos como quadros e grandes impressões acabam rendendo um dinheiro maior sobre cada foto vendida. E, novamente, quanto mais imagens você colocar à venda, mais chances de lucrar.

Como começar?

Existem diversas opções de sites para fazer o upload das suas fotos e vídeos e também muitas formas de lucrar com suas fotografias, ilustrações e vídeos. Por isso, recomendamos que comece lendo nosso artigo sobre como ganhar dinheiro com fotos.

Além de reunir as principais alternativas na hora de monetizar a sua paixão, o conteúdo ainda apresenta as melhores plataformas para começar.

7. Seja afiliado

Ser afiliado e vender produtos é uma ótima maneira de ter uma renda extra ou até principal – dependendo da sua dedicação.

No geral, há várias opções para atuar como afiliado, seja com a venda de produtos físicos, cursos, e-books, entre outros.

Para quem se interessa, a melhor maneira de lucrar é trabalhar em uma área que você domine bastante, para que possa falar com propriedade sobre o produto/serviço em questão.

Se você é um especialista em design, então opte por falar sobre o assunto e recomendar produtos relevantes para o seu público.

Como começar?

O primeiro passo para começar no marketing de afiliados é ler nosso artigo sobre como ganhar dinheiro como afiliado. Ele te mostra o passo a passo para iniciar nesta jornada, as melhores práticas e como aumentar suas chances de conversão.

Entretanto, de forma resumida, a primeira coisa que você deve fazer é escolher o seu nicho principal. Eu, por exemplo, sou apaixonado por games, e quando falo sobre isto, costumo inserir um link de afiliado do PS5 e do Xbox Series nos meus conteúdos quando faz sentido. Assim, se rolar uma venda, eu ganho uma comissão.

8. Atue como pet sitter 

Muitas pessoas que começam como pet sitter dão os primeiros passos em aplicativos e em plataformas. Em pouco tempo, os clientes passam a indicar novos clientes e, assim, uma fonte de renda alternativa passa a ser principal.

O trabalho de pet sitter costuma ser bem simples e envolve passeios, companhias e atendimentos mais específicos. Os valores por serviço prestado têm um bom retorno e o boca a boca funciona muito bem, sendo fácil ficar cheio de clientes rapidamente.

Como começar?

Para ser pet sitter, você precisa ser apaixonado por animais e ter um bom condicionamento físico, afinal muitos passeios envolvem mais de um doguinho e os gatos podem ser surpreendentemente fortes quando querem fugir.

Além disso, você pode dar os primeiros passos nos aplicativos, como o DogHero, antes de se aventurar na prospecção direta de clientes.

9. Monte uma loja virtual

A presença digital deixou de se limitar às grandes empresas e, felizmente, qualquer pessoa consegue montar uma loja virtual e manter um ecommerce.

Hoje em dia é possível criar uma loja online em poucos dias devido à facilidade de uso de plataformas especializadas como Shopify e WooCommerce.

Fora isso, muitas plataformas também auxiliam na hora de controlar e organizar o processo de pagamento e de envio de produtos. Sem dúvida alguma, essa é uma ideia para quem quer empreender e não sabe como começar.

Como começar?

É possível montar uma loja virtual e colocá-la no ar em poucos dias. Para isso, basta selecionar alguma plataforma – é possível criar sua loja online até mesmo no WordPress usando o plugin do WooCommerce.

Outras opções são a Nuvem Shop e a Shopify. Ambas são fáceis de utilizar e bastante intuitivas. Além disso, os planos são bem acessíveis e garantem um retorno bem rápido do investimento inicial.

10. Dê aulas particulares

Dar aulas particulares pode ser uma ótima alternativa para lucrar. Você pode trabalhar como professor em plataformas ou dar aulas particulares para amigos e conhecidos.

No caso das plataformas, os ganhos variam bastante, principalmente nos meses iniciais. Ainda assim, ao acumular avaliações positivas, os ganhos podem aumentar e se tornam uma ótima fonte de renda.

Já através do boca a boca e da divulgação nas redes sociais, o resultado demora um pouco mais. Porém, quando ele chega não há nenhuma taxa de intermediação e é fácil ficar com a agenda cheia.

Como começar?

Há muitas plataformas e aplicativos que intermediam aulas particulares. Contudo, o app Eduqi costuma ser a principal alternativa. Além dele, o marketing de conteúdo (principalmente nas redes sociais) pode ser um ótimo jeito de prospectar alunos.

Além disso, você também pode oferecer workshops, dependendo das suas habilidades. Para isto, pode começar cadastrando uma experiência no AirBnB – especialmente se você vive em uma cidade turística.

Por fim, vale destacar que é importante ter conhecimento extensivo da habilidade que você estará ensinando e, na maioria dos casos, é recomendado ter certificado que ateste o seu conhecimento. Desta maneira, você consegue provar que as aulas realmente são embasadas, aumentando as chances de conseguir mais alunos.

11. Tenha um brechó

Ter um brechó é uma ótima ideia para ter uma renda extra. Uma vez que você crie e mantenha um brechó próprio, basta garantir que as vendas aconteçam.

O digital também se mostra como um excelente aliado. Como não há necessidade de ter um endereço físico, muitos brechós apostam na presença digital, mais especificamente em uma página do Instagram.

Inclusive, quanto mais inchado for seu brechó e melhor for a sua seleção de “achados”, maiores serão as chances de ter um público engajado e fiel e aumentar suas vendas.

Como começar?

Para ter um brechó próprio e autoral, você precisa ter peças específicas e de qualidade e, ao menos, uma página no Instagram. A partir disso, basta garimpar e selecionar itens para vender na sua loja e, é claro, acrescentar a sua taxa de lucro para revender as peças.

Nos meses iniciais também é possível aumentar suas chances de venda participando de plataformas que vendem peças de roupas, como a Enjoei e a Repassa.

Por fim, caso haja algum receio de começar ou não há nenhuma forma de investir e montar um bom estoque, uma boa alternativa é trabalhar com desapegos que estão no seu guarda roupa.

Você também pode optar por oferecer o modelo de consignação às pessoas que levam peças até você. Assim, você fica com a peça de roupa para vender e só paga o valor à cliente assim que alguém adquirir a peça.

12. Trabalhe com timeshare

O timeshare consiste na divisão de um espaço de lazer, preferencialmente resorts, hotéis e pousadas, e torna você um proprietário por um determinado período. Neste meio tempo, você pode fazer visitas ou simplesmente alugar os “seus” cômodos.

O retorno sobre investimento costuma ser entre 4 a 5 anos. Esse número é excelente, afinal os contratos de concessão de espaço são de 10 a 30 anos.

Como começar?

O primeiro passo para começar no ramo de timeshare é encontrar a propriedade (ou as propriedades) e investir nela. Geralmente, resorts, hotéis e pousadas que utilizam o conceito de multipropriedade deixam bem claro os seus planos de concessão.

Sendo assim, cabe ao interessado levantar orçamentos e encontrar as propriedades que mais chamam atenção, seja pelo endereço ou pelo retorno financeiro.

13. Seja freelancer

Ser freelancer é, sem dúvida alguma, uma ótima forma para ter independência financeira ou ganhar um dinheiro extra. 

Um freelancer é, basicamente, um profissional independente que presta serviços de forma esporádica. Existem diversas profissões que podem ser freelancer, como designers, fotógrafos, arquitetos, programadores, tradutores, entre outros. Se quiser saber mais sobre o que é um freelancer clique aqui.

Entretanto, antes de começar, é fundamental que você tenha a qualificação necessária para aquilo que se propõe a fazer, seja criar artes, diagramar livros, produzir textos, etc.

Como começar?

Nós recomendamos começar com a leitura do nosso artigo sobre como ser um freelancer. Ele vai te dar um bom passo a passo para que você comece sua carreira como freela já!

Depois, vale candidatar-se à nos sites para encontrar trabalho como freelancer como a Workana, 99Freelas, e Upwork para conseguir seus primeiros clientes.

FAQ – Perguntas Frequentes

Os produtos mais fáceis de se vender e obter lucro costumam ser bolos, trufas, salgados e lanches. Por terem um preço acessível, as vendas costumam ser mais fáceis.

Ainda assim, há muitas outras alternativas de produtos para vender. Vale considerar também roupas, tênis e calçados, eletrônicos com links de afiliados, e artesanato.

A melhor maneira de ganhar dinheiro rápido é através da venda de móveis e eletrônicos usados em marketplaces. Porém, há outras alternativas interessantes, como pet sitter, vendas de fotos e freelas.

Se quiser mais opções, nós recomendamos a leitura do nosso artigo sobre como ganhar dinheiro rápido, onde reunimos as 16 melhores alternativas para lucrar rapidamente.

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Mais artigos como este

Inscreva-se na nossa newsletter

Pode ficar tranquilo, não mandamos spam nem vendemos seu e-mail! Sua segurança está garantida com a gente :)

Precisa de ajuda?

Quer ser freelancer mas não sabe por onde começar? Nós te damos uma mão!