Exemplo de proposta freelancer + o passo a passo para criar a sua!

exemplo proposta freelancer imagem 3

Você entrou em um site para encontrar trabalhos como freelancer pela primeira vez e percebeu que, para conseguir o trabalho, precisa elaborar uma proposta?!

Mas, afinal, qual é o modelo de proposta ideal? O que incluir e o que evitar? Quais as informações mais importantes?

Esse artigo vai responder a todas essas perguntas e ainda oferece um exemplo prático de proposta de freelancer (que você encontra no final deste texto).

Quer saber como criar a proposta ideal?! Então confira agora:

Proposta formal vs. Proposta em sites de freelancer

Primeiramente, é preciso entender a diferença entre uma proposta formal e a proposta feita em sites de freelancers.

A proposta formal é mais detalhada e muitas vezes segue um modelo estabelecido previamente, inclusive o site Canva reúne alguns templates interessantes.

Este tipo de proposta inclui dados como o nome do freelancer e do negócio, dados sobre o cliente, a descrição do serviço, preços, condições de pagamento e prazos. Essa proposta costuma ser enviada por e-mail ao cliente.

A proposta enviada por meio de sites de freelancers como Upwork, 99Freelas e o Workana já é mais direcionada e objetiva, é nela em que vamos nos concentrar neste artigo.

Para quem é familiar com o modelo, essa proposta se assemelha a uma Cover Letter, ou carta de apresentação. O objetivo é se apresentar para o cliente e persuadi-lo de que é a pessoa certa para o trabalho.

A proposta deve ser atrativa e concisa. Lembre-se que são muitos freelancers concorrendo pela mesma chance e o seu propósito deve ser explicar em poucas palavras o seu diferencial.

Como deve ser a proposta de freelancer?

Para aumentar as suas chances de ter a proposta aceita, filtre bem os tipos de trabalho disponíveis e envie propostas somente para aqueles que tenham a ver com o seu perfil e habilidades. Feito isso, leia com atenção a descrição do projeto.

Existem três pontos principais para levar em consideração:

1. Tamanho

Qual é o tamanho ideal da proposta? Bom, essa resposta depende bastante do projeto, mas considere que sua proposta deva incluir os dados solicitados, os seus diferenciais mais atrativos e exemplos do seu trabalho da forma mais concisa possível.

O texto não deve ser muito longo, do contrário é provável que o potencial cliente nem se interesse em ler. Afinal, são muitas propostas e geralmente o tempo que leva para decidir é curto.

2. Formato

Conforme mencionado acima, a proposta ideal costuma ser semelhante a uma Cover Letter. É uma carta introdutória que ressalta as suas melhores qualidades profissionais e é personalizada para cada cliente.

Ainda que sempre use o formato de Cover Letter, lembre-se de criar propostas diferentes para projetos diferentes. Sempre inicie a proposta com uma saudação, preferencialmente usando o nome do cliente, e termine com um agradecimento, colocando-se à disposição para tirar qualquer dúvida.

3. Conteúdo

Pense que o conteúdo da proposta precisa atrair e reter a atenção do cliente, assim garantirá que ele vai ler até o final e que terá uma chance de conseguir o projeto.

Para construir um conteúdo sólido, busque:

Fazer perguntas relevantes

Fazer perguntas sobre o projeto antes de enviar a proposta pode ser uma boa maneira de estabelecer uma comunicação com o cliente e mostrar que compreende o escopo com profundidade.

Tenha cuidado para não exagerar, mas pode fazer perguntas relacionadas a dados sobre o negócio do cliente, prazos ou detalhes sobre o produto.

Mostrar que sabe do que está falando

Demonstre total compreensão das necessidades do cliente e deixe claro que possui as soluções para elas. O que de fato interessa para ele é saber se você tem as habilidades requeridas para desenvolver o projeto e a responsabilidade de cumprir os prazos acordados.

O cliente quer ter a certeza de que você leu a descrição por completo, que é alguém atento e confiável. Aqui pode ser interessante fazer uma ligação com a experiência profissional que possui, conectando pontos do projeto a competências que desenvolveu ao longo do tempo.

Inclua amostras de trabalho e portfólio

Lembre-se de incluir na proposta links, PDFs ou outro tipo de amostra de trabalho para que o cliente possa conferir. Mesmo que não tenha feito nenhum trabalho remunerado ainda, sempre há a possibilidade de criar algo por conta própria e incluir no portfólio para ter algo a mostrar.

É importante principalmente se já tiver realizado um trabalho no mesmo segmento do projeto para o qual está se candidatando, isso demonstra credibilidade e confiabilidade. Caso consiga demonstrar feedbacks de clientes que já trabalharam com você antes, ainda melhor.

Inclua também links para seu site ou blog, se houver, e outras amostras no seu próprio perfil do site de freelancers, assim o cliente pode buscar por mais referências suas caso se interesse. Ainda que a proposta seja concisa, busque sempre manter um perfil completo porque ele também faz parte do seu portfólio.

Exponha os seus diferenciais

O que não pode faltar em sua proposta é uma série de atributos que possui e que são a razão principal para que o cliente decida fazer negócio com você. Essa é a hora perfeita para colocar em prática o que sabe sobre marketing pessoal.

É interessante, se possível, expor na proposta que está aberto a negociação quanto aos termos propostos, seja referente ao valor ou prazo.

Dica de curso: Marketing Pessoal e Produção de Conteúdo no LinkedIn, por Matheus de Souza

O marketing pessoal é uma excelente habilidade para qualquer freelancer. É essencial aprender a entender seus diferenciais e, mais importante, a comunica-los com clareza para sua audiência e potenciais clientes.

No curso de Marketing Pessoal e Produção de conteúdo, Matheus de Souza, autor do livro “Nômade Digital” e Top Voice do LinkedIn, te ensina a usar a produção de conteúdo como uma ferramenta de autopromoção (sem parecer que você está se vendendo).

Ele também mostra como você pode criar conexões com pessoas através da plataforma, encontrar oportunidades de trabalho, e até mesmo usar a rede como uma espécie de portfólio virtual, ou para tornar-se uma referência em sua área de atuação.

Exemplo de proposta freelancer

Agora que já viu os pontos essenciais para incluir na proposta em sites de freelancers, vamos mais além e observemos um exemplo prático desse tipo de proposta:

Abaixo estou considerando um projeto hipotético que precisa de um redator para escrever artigos semanais de 1000 palavras para um blog de saúde e bem-estar.

O cliente solicita que os candidatos informem o valor por palavra, quantos artigos poderiam entregar por semana e anexem trabalhos já realizados no mesmo segmento.

A proposta

Olá,  Joaquim, tudo bem?

Após ler a descrição do projeto, estou confiante de que posso realizar o trabalho do qual precisa e contribuir com o conteúdo do site Vigor Diário.

Já trabalho como redatora há 3 anos e tenho especialidade em desenvolver artigos otimizados para SEO para blogs e sites.

Meu objetivo é sempre trabalhar para potencializar o tráfego orgânico de plataformas utilizando conceitos de marketing de conteúdo, Inbound Marketing e Copywriting.

Para artigos de 1000 palavras, cobro R$140 por artigo e peço 1 dia útil para a entrega. Como precisaria de entregas semanais, poderia me comprometer a 4 artigos por semana com entrega toda quinta-feira, salvo feriados e datas comemorativas (neste caso, consideraria a entrega para o dia útil anterior).

Tenho disponibilidade imediata para começar.

Abaixo envio três links com artigos que desenvolvi para diferentes clientes.

#Link 1

#Link 2

#Link 3 

No meu perfil, você também pode encontrar links para o meu portfólio completo e para o meu site.

Fico à disposição para sanar qualquer tipo de dúvida e marcar uma reunião para conversamos sobre o projeto com mais profundidade.

Agradeço desde já pela oportunidade.

Um grande abraço, 

Gabriela Araujo

Caso vá utilizar este modelo, não esqueça de alterar os dados importantes da proposta e também de adaptar de acordo com suas necessidades e seu modo de se expressar. Na hora de conseguir clientes, sua autenticidade é um dos critérios que pode fazer toda a diferença!

Ah, e se conseguir um cliente, não se esqueça de dar uma olhada no artigo que criamos sobre como elaborar um excelente contrato de freelancer.

FAQ – Perguntas Frequentes

Para escrever uma boa proposta em sites de freelancers, você precisa concentrar as informações essenciais solicitadas pelo cliente, a sua experiência e amostras do seu trabalho de maneira concisa.

Essa proposta é a sua oportunidade de chamar a atenção do cliente e demonstrar que é o profissional mais capaz de atender às necessidades do projeto. Ou seja, nada de copiar e colar o mesmo texto: para cada projeto, uma nova proposta.

Lembre-se de começar a proposta cumprimentando o cliente e finalizá-la com um agradecimento, colocando-se à disposição para tirar dúvidas e conversar sobre o trabalho em uma reunião por áudio ou vídeo.

Um dos erros mais comuns cometidos por freelancers na hora de enviar propostas é não incluir todas as informações solicitadas pelos clientes. Isso acontece muito devido à falta de atenção na hora de ler a descrição do projeto, o que pode matar as chances de contratação.

Incluir informações desnecessárias ou exageradas também faz o cliente perder o interesse e até mesmo deixar de ler. Da mesma maneira, falar somente sobre as suas qualidades na proposta não é bom. O ideal é demonstrar o que tem de valioso para resolver os problemas do cliente. A proposta precisa focar nas necessidades do projeto sempre.

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Mais artigos como este

Inscreva-se na nossa newsletter

Pode ficar tranquilo, não mandamos spam nem vendemos seu e-mail! Sua segurança está garantida com a gente :)

Precisa de ajuda?

Quer ser freelancer mas não sabe por onde começar? Nós te damos uma mão!