Como evitar a procrastinação: 12 dicas infalíveis

como evitar a procrastinacao imagem 01

Quantas vezes você já se viu adiando uma tarefa importante até o último minuto? A procrastinação muitas vezes parece ter o poder de nos dominar quando menos esperamos. Seja adiando atividades no trabalho, empurrando para depois aquele projeto pessoal que você tanto queria iniciar ou deixando de lado compromissos cruciais, todos nós já sentimos sua influência.

No entanto, imagine se você pudesse finalmente quebrar esse ciclo de adiamentos e conquistar uma sensação duradoura de realização. A boa notícia é que você pode!

Este artigo não é apenas mais uma lista de dicas vazias, mas sim um guia prático que reúne as estratégias mais eficazes para vencer a procrastinação de uma vez por todas.

Ao longo deste artigo mergulharemos em um conjunto de técnicas comprovadas que não apenas ajudarão você a superar a procrastinação, mas também a atingir seus objetivos, se tornar mais produtivo, focado e confiante em seus esforços diários. De técnicas de gestão do tempo a insights psicológicos, você descobrirá como enfrentar esse desafio com dicas práticas e disciplina, para construir hábitos que o impulsionarão em direção ao sucesso.

Vamos começar?

1. Organize seus horários

Uma das melhores dicas é organizar previamente os horários para todas as suas obrigações e tarefas é uma das melhores formas de evitar procrastinar.

Assim você não se esquece de nada do que precisa fazer como também tem a clara noção do tempo adequado para executar cada item.

A técnica Pomodoro é uma excelente ferramenta de gestão de tempo para te ajudar a ser mais eficiente. Basicamente consiste na organização de estudo ou trabalho com base em blocos de tempo: 25 minutos de concentração e uma pausa de 5 minutos para descanso.

Existem alguns bons aplicativos que podem cronometrar o tempo para você como o Focus to Do e o Pomodoro Timer Lite.

Vale lembrar que a organização pessoal é um dos pilares para evitar a procrastinação.

2. Defina metas concretas

Trace as metas que fazem sentido para os seus projetos. Pense em metas claras e possíveis para não se frustrar ou acabar sacrificando outros setores da vida para cumpri-las.

Uma divisão de tempo para conclusão considerando curto, médio e longo prazo é importante para conseguir monitorar o andamento do que planejou bem como visualizar estes objetivos com real comprometimento.

3. Crie hábitos consistentes

Talvez já tenha ouvido falar sobre a importância de desenvolver uma rotina, mesmo que não seja muito fã dela.

Criar hábitos ajuda o seu cérebro a entender e se adaptar às obrigações do cotidiano, o que em resultado ajuda não procrastinar.

PS: se quiser criar hábitos consistentes de forma fácil, reunimos neste artigo os melhores livros sobre hábitos que te ajudam a transformar sua rotina e sua vida.

Dica de livro: Hábitos Atômicos, por James Clear

Um ótimo livro que te ajuda a praticar essa mentalidade se chama “Hábitos Atômicos” do autor James Clear.

O livro se propõe a oferecer um método eficaz para que crie hábitos que trabalhem a seu favor, transformando sistemas complexos em comportamentos simples.

Através de estratégias práticas, exemplos, e histórias, James usa uma linguagem acessível e assertiva para que aplique as táticas à sua vida cotidiana e profissional.

4. Crie listas de prioridades para suas tarefas

Para não se perder em meio às obrigações, é essencial que saiba priorizar as tarefas de acordo com o nível de importância ou urgência.

Uma boca dica para organizar essas prioridades é através de listas, aplicativos como o Trello e o Any.do. Assim é possível atribuir prazos, etiquetas e categorias para cada uma das tarefas e estabelecer as responsabilidades.

5. Seja realista com seus prazos

Aliás, por falar de prazos, você precisa determinar prazos que sejam realmente possíveis de serem cumpridos.

Pode pensar em diferentes prazos para diferentes tarefas, entendendo que cada uma precisa de atenção e dificuldade exclusivos.

Ter um limite para o cumprimento de tarefas é excelente para não procrastinar porque você está ciente do tique-taque do relógio, podendo cobrar a si mesmo.

6. Tenha foco e faça uma coisa de cada vez

Lembre-se de se esforçar, mas ir com calma, tudo bem? Foque a atenção em uma tarefa de cada vez para não se atrapalhar nem comprometer a qualidade do trabalho.

Não adianta fazer tudo ao mesmo tempo na tentativa de finalizar as tarefas mais depressa e acabar completamente esgotado.

Para te ajudar, criamos um artigo com ótimas ferramentas de produtividade! Dá uma olhada, temos certeza que você vai adorar.

7. Separe suas tarefas em pequenas tarefas

Divida as tarefas grandes em subtarefas. Dessa maneira, as obrigações se tornam menos complexas e mais simples de serem realizadas.

Isso te ajudará a perceber projetos longos de modo mais leve e não mais adiá-los, concentrando-se no desgaste para completá-lo.

8. Bloqueie estímulos externos

As distrações são grandes vilãs quando tentamos nos concentrar no trabalho ou no estudo. Sempre existe uma notificação tentadora aqui e outra ali para desviar sua atenção e o ideal é eliminá-las no período de trabalho.

Para te ajudar com isso, experimente usar o aplicativo Forest, cujo objetivo é ajudar as pessoas a ficarem menos dependentes do celular.

De acordo com o tempo que fica longe do celular, você será recompensado com moedas. Essas moedas podem ser usadas para plantar árvores de verdade em diferentes países.

Sua árvore cresce de acordo com um cronômetro estabelecido, contabilizando o tempo que passou sem mexer no celular. Um jeito de parar de procrastinar e ajudar o planeta, não fica melhor do que isso, não é?

Confira o app disponível para iOS por U$ 1,99 e gratuito no Android. Também funciona como uma e extensão do Google Chrome.

9. Estabeleça recompensas

E ainda no tópico sobre ser recompensado, isso é algo que pode fazer por você mesmo e se estimular a ser mais produtivo.

Conseguiu concluir uma atividade difícil ou muito trabalhosa? Ofereça uma recompensa a você mesmo, seja um mimo, uma comida gostosa ou um passeio.

Isso ajuda a aliviar a mente e começar outras tarefas com uma motivação renovada.

10. Use aplicativos para a produtividade

Já demos dicas de aplicativos de produtividade neste artigo, mas é importante ressaltar como estes apps podem fazer a diferença na sua rotina.

Essa é uma maneira dinâmica e interativa de estimular a sua concentração e disposição para o trabalho, algo muito valioso para aqueles momentos em que está desanimado ou não acorda muito a fim de trabalhar ou estudar.

11. Estruture sua semana e seus dias

Uma atitude que ajuda muito a evitar a procrastinação é começar o dia e a semana sabendo exatamente o que precisa ser feito. Isso oferece uma clareza sobre os compromissos e uma organização mental incomparável.

Para estruturar bem o seu calendário, nada melhor do que um Planner.

Dica de ferramenta: Planner Digital, da Yasmin Araujo

O Planner Digital da Yasmin Araujo é incrível para te ajudar a fazer a gestão do seu tempo. Ela tem à disposição tanto o planner não datado, quanto o com datas deste ano.

Em ambos, você pode organizar suas tarefas por dia, semana, mês e ano sem se limitar.

12. Se procrastinar, não se repreenda

Finalmente, caso acabe procrastinando, nada de se martirizar, combinado? Não se culpe nem se menospreze, ao invés identifique o comportamento e busque mudá-lo para que não atrapalhe os seus objetivos.

Todos nós temos momentos mais tensos e estressantes e não se pode viver num senso de urgência o tempo todo.

 

Outras questões a considerar: por que procrastinamos?

A procrastinação vai além da simples falta de vontade de realizar tarefas. Ela é muitas vezes enraizada em complexas questões psicológicas que podem sabotar nossos esforços. Compreender as dinâmicas de um procrastinador é crucial para superar esse padrão de comportamento e, finalmente, alcançar uma produtividade sustentável.

Um dos principais fatores psicológicos por trás deste comportamento é a evitação do desconforto. Tarefas desafiadoras ou emocionalmente carregadas frequentemente acionam uma resposta de ansiedade, levando-nos a adiar o enfrentamento desses sentimentos. Entretanto, essa evitação temporária apenas prolonga a angústia e impede nosso progresso.

Além disso, o perfeccionismo também desempenha um papel significativo na procrastinação. Quando temos expectativas irreais sobre a perfeição, podemos ficar paralisados pelo medo de não atingir esses padrões. Reconhecer que o progresso é mais valioso do que a busca implacável pela perfeição nos liberta para começar e melhorar ao longo do caminho. 

Conclusão

Infelizmente, não há apenas uma simples estratégia de como evitar a procrastinação e resolver de vez este problema. Entretanto, através da organização, estabelecimento de metas realistas, criação de hábitos consistentes e emprego de ferramentas modernas, você tem o poder de transformar este hábito em produtividade e alcançar seus objetivos em estudos, projetos pessoais e também no mercado de trabalho.

Lembre-se de que o progresso não é linear, e é normal enfrentar contratempos. Todos nós perdemos o foco e acabamos passando alguns minutos a mais nas redes sociais ou em outras atividades consideradas como “perda de tempo”. Porém, o importante é continuar aprendendo, ajustando suas abordagens e mantendo uma mentalidade positiva, focada no seu bem-estar.

A jornada para superar o problema da procrastinação não é apenas sobre sucesso, cumprir tarefas ou atingir objetivos, mas também sobre crescimento pessoal, autoconhecimento e autorrealização.

FAQ – Perguntas Frequentes

A procrastinação se refere à ação de adiar alguma tarefa ou atividade o máximo possível, muitas vezes extrapolando o prazo de conclusão ou até atrasando projetos.

Quando se torna um hábito, a procrastinação pode acarretar a negligência de obrigações, queda na qualidade do trabalho e prejuízos ao desempenho acadêmico ou profissional.

Para acabar com a procrastinação, você precisa introduzir uma mudança de comportamento no seu cotidiano: respeitando horários, priorizando tarefas, eliminando distrações, atendo-se a prazos e criando hábitos saudáveis.

Sinta-se à vontade para fazer uso de aplicativos e demais ferramentas que estimulem sua produtividade e te ajudem a alcançar esses objetivos.

    •  

Um motivo que leva as pessoas a procrastinarem é a sobrecarga de tarefas; o seu corpo e sua mente estão tão esgotados devido a um ritmo frenético de atividades.

Outra causa é a desmotivação com o projeto que está procrastinando, seja ligado à vida profissional ou acadêmica. Quando não está em harmonia com o que está fazendo, acaba se sentindo desanimado toda vez que precisa lidar com aquilo.

A procrastinação não é uma preguiça, trata-se de uma questão ligada com a regulação emocional. Busque auxílio profissional caso a procrastinação esteja causando sérios problemas em sua vida.

Se quer mesmo dar um basta na procrastinação, não deixe de conferir os melhores aplicativos e ferramentas para estimular a produtividade.

Inscreva-se na nossa newsletter

Pode ficar tranquilo, não mandamos spam nem vendemos seu e-mail! Sua segurança está garantida com a gente :)

Deixe um comentário

Picture of Gabriela Araujo
Gabriela Araujo
Sou tradutora, redatora e escritora, baseada no Rio, com graduação em turismo pela universidade federal UNIRIO. Sou autora de "Quando sentir, escreva", um livro de poesias, e também dos contos "Ainda bem que temos o Charme" e "Poeira estelar". Além disso, escrevo no meu blog pessoal e no blog "Negra em Movimento" onde abordo questões raciais, feminismo e turismo responsável.

Mais artigos como este