befreela logo 2

Ganhar dinheiro viajando é possível? É sim, e nós te ensinamos como!

Eu sei, você quer ganhar dinheiro viajando mas acha que isso é impossível não é?! Eu também achava, até que isso se tornou minha realidade!

O fato é que ganhar dinheiro e viajar o mundo é o ultimo passo de uma série de etapas, resultado de muito trabalho e planejamento.

Primeiro de tudo, você vai precisar planejar sua transição para o trabalho remoto, afinal, você não vai conseguir viajar e ganhar dinheiro ao mesmo tempo sem que faça isto – a não ser que procure por trabalho em cada lugar que for.

Depois, vai precisar seguir as dicas que te mostramos aqui. 

Está pronto?!

1. Encontre um trabalho que te ofereça flexibilidade – ou crie seu trabalho

O nomadismo digital é algo relativamente novo e as empresas mais tradicionais não estão preparadas para isto. Até mesmo empresas mais descoladas ainda exigem que você esteja presente no seu local de trabalho.

Entretanto, as coisas estão mudando aos poucos e é possível encontrar – principalmente fora do Brasil – cargos em empresas que te possibilitam trabalhar de casa ou então trabalhos como freelancer.

Um site com ótimas dicas de empresas para trabalhar de forma remota é o The Work at Home Woman. Algumas oportunidades divulgadas são apenas para os Estados Unidos, porém, há algumas que estão disponíveis para o mundo todo.

Mas, se você quer começar, aqui vão duas opções para iniciar (e você pode encontrar também muitas dicas para ganhar dinheiro na internet neste post):

Sites para encontrar trabalhos como freelancer

A primeira opção é procurar trabalhos em sites para freelancers, como o Upwork, 99freelas Workana, ou o Freelancer, onde você pode se inscrever e procurar trabalhos que se encaixem com as suas habilidades.

Existem inúmeros projetos em diversas áreas, ofertados por empresas de inúmeros países e que, em alguns casos, oferecem a possibilidade de que você ganhe dinheiro em dólar.

LinkedIn

Outra opção é pesquisar empresas que ofereçam a possibilidade de trabalhos remotos (aprenda aqui como procurar oportunidades de trabalho remoto através do LinkedIn) ou até mesmo encontrar um trabalho de meio período para que você possa usar a outra metade do seu dia para dedicar-se ao seu projeto de nomadismo digital.

2. Economize muito e pare de gastar dinheiro com besteiras

Muita gente nos pergunta como viajamos tanto e, não existe muito segredo.

Para viajar muito é necessário encontrar um trabalho flexível, juntar muito dinheiro e parar de gastar com besteiras (por besteiras, quero dizer tudo que não é extremamente necessário).

Eu, inclusive, já falei um pouco sobre como economizar neste post com 8 dicas práticas para economizar e viajar mais. Quem sabe você se inspire e consiga cortar alguns gastos.

Por exemplo: eu e o Matheus temos um apartamento em Tubarão (SC) e nosso sofá é uma bosta, mas nós temos um sofá, então isso significa que não precisamos de outro. Quando saio por aí e vejo uma roupa bonita eu penso um milhão de vezes antes de comprar: eu realmente estou precisando ou eu apenas quero? Se a resposta for “quero”, não compro.

A verdade é que não há muito segredo. Como tudo na vida, você precisa estabelecer prioridades. Se sua prioridade é viajar, então você vai ter que abrir mão de outras coisas.

3. Estabeleça uma vida flexível e corte gastos desnecessários

Ser nômade digital significa  que você precisa do mínimo de flexibilidade. Ou seja, não adianta fechar um plano de doze meses na academia, assumir o financiamento de um carro  ou assinar um contrato com uma operadora de celular sendo que você não vai usar muitas dessas coisas enquanto estiver fora.

Transforme toda a sua vida para que você possa viajar e trabalhar ao mesmo tempo. Se você tem cachorros, pense em uma forma de viajar com eles, assim como a Debbie que viaja o mundo com seus cachorros. Se pensa em comprar um apartamento ou fazer uma reforma, deixe para depois. Tente eliminar todo o tipo de preocupação ou obrigação que te mantém preso – seja emocional, material ou financeiramente falando.

Tente fazer com que sua vida seja flexível o bastante para caber em uma mala de mão – para não ter que pagar pela mala extra despachada.

Estas medidas não vão te fazer ganhar dinheiro, obviamente, mas elas vão te ajudar a economizar, o que é quase a mesma coisa que ganhar dinheiro.

4. Crie formas de renda passiva – que vão além do seu trabalho principal

Trabalhar como freelancer significa que você precisa aprendar a lidar com o dinheiro de forma diferente, já que você não terá um salário fixo e não receberá aquele valor específico no quinto dia útil do mês.

Como você não tem uma renda fixa pode ser uma ótima ideia criar outras formas de ganhar dinheiro – e a renda passiva é uma ótima opção. Mas, o que é renda passiva? Bom, é basicamente uma forma de ganhar dinheiro enquanto você não está, necessariamente, trabalhando.

Nós fazemos isto de algumas formas, o Matheus vende o seu curso online sobre Marketing Pessoal e Produção de Conteúdo para LinkedIn, enquanto eu vendo minhas fotos no Urban Arts. Além disso, há outras formas de ganhar dinheiro através de comissões sobre vendas através do marketing de afiliados.

O fato é: há inúmeras oportunidades de ganhar dinheiro de forma passiva, seja investindo ou criando seus próprios infoprodutos, que podem complementar sua renda ou se tornar sua renda principal.

5. Tenha disciplina e seja persistente

Você nem bem começou e já está pensando em desistir? Acha que vai ser muito difícil? Bom, vai ser difícil, você vai passar trabalho, vai pensar em desistir várias vezes, mas tem que ter forças o suficiente para não faze-lo.

Não há caminho fácil e simples para o sucesso. E vou te dizer que a diferença entre aqueles que conquistaram o que queriam e aqueles que “fracassaram” é que os segundos pararam de tentar muito cedo.

E quanto é este “cedo demais”, afinal? Em quanto tempo você vai conseguir ganhar dinheiro trabalhando de forma remota? Eu realmente não sei te dizer. A verdade é que não há tempo certo, não há prazo. Pode ser rápido, pode ser uma questão de meses, mas é difícil. Provavelmente vai demorar alguns anos para acontecer, mas se você não parar de tentar, vai acontecer.

Eu e o Matheus demoramos cerca de dois anos entre planejamento e concretização dos nossos objetivos. Primeiro planejamos e começamos a fazer tudo que estava ao nosso alcance para conseguir uma forma de trabalho que nos possibilitasse viajar e trabalhar ao mesmo tempo.

Esta etapa em que “fizemos tudo que estava ao nosso alcance” se traduz em trabalhar muito, manhã, tarde e noite, durante cerca de um ano e meio. Não foi fácil, mas nossa vontade de conquistar uma vida flexível era maior. Nós tínhamos nossos empregos fixos e quando saíamos deles, trabalhávamos em nossos projetos paralelos.

Só quando tínhamos juntado dinheiro suficiente para nos manter caso algo desse errado e quando percebemos que poderíamos nos sustentar com nossos trabalhos flexíveis foi que largamos nossos empregos de carteira assinada.

E foi só depois de seis meses trabalhando em casa que fizemos a primeira viagem como nômades digitais, levando nosso trabalho na mochila.

Nada aconteceu de uma hora para outra e só conseguimos o que queríamos porque demos nosso melhor em tudo que fizemos e fomos consistentes – ou seja, fizemos tudo com frequência e qualidade. Conseguimos virar nômades digitais porque colocamos isto como nossa prioridade e objetivo de vida.

Então, faça o mesmo caso esta seja a sua prioridade. Não desista até conseguir. Se você não conseguir é porque desistiu cedo demais.


E aí, curtiu as dicas? Tem mais alguma pra compartilhar? Deixe um comentário aqui nos contando!

Se quiser salvar este post para ler depois, salve a imagem abaixo no seu painel do Pinterest! Aproveite e siga nosso perfil por lá clicando aqui!

como ganhar dinheiro

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Mais artigos como este

Inscreva-se na nossa newsletter

Pode ficar tranquilo, não mandamos spam nem vendemos seu e-mail! Sua segurança está garantida com a gente :)

Precisa de ajuda?

Quer ser freelancer mas não sabe por onde começar? Nós te damos uma mão!