A Cidade do México nos encantou. Nós não tínhamos ideia de que adoraríamos tanto conhece-la e nem que sonharíamos em retornar um dia para passar mais tempo.

Quando voltamos para o Brasil percebemos que muitas pessoas não tiveram a mesma impressão justamente por terem se hospedado em um lugar que não era tão bom.

Por isso, decidimos falar do bairro onde passamos nosso curto tempo lá para mostrar a você em qual bairro hospedar na capital do México.

Afinal, em qual bairro se hospedar na Cidade do México?

Nós pesquisamos muito durante alguns dias até, finalmente, decidir qual seria o melhor bairro.

Após intensas pesquisas encontramos em Roma nosso lar (pelo menos pelos 5 dias que ficamos na Cidade do México).

Apesar de ser uma cidade grande e, em algumas regiões, parecer muito com São Paulo, o bairro Roma é tranquilo, arborizado e cheio de coisas para fazer – especialmente se você ficar em Roma Norte, já que Roma Sul é mais residencial.

Por que se hospedar em Roma Norte?

Roma Norte é um daqueles bairros que você compara com o Brooklyn em Nova Iorque. Descolado, tranquilo, reduto de artistas e cheio de prédios antigos, história e arte. Inclusive, Jack Kerouac e outros escritores importantes da “geração beatnik” viveram por lá durante um tempo.

Localização

É um bairro muito bem localizado e fica a apenas 15 minutos de Uber dos principais bairros da Cidade do México, como Polanco e o Centro Histórico.

Além disso, há lugares em que é possível se deslocar tranquilamente a pé – se você tiver disposição, claro.

Cafés e restaurantes

Se você gosta de boa comida ou aprecia um bom café é lá que você vai encontrar.

O bairro, apesar de ser relativamente bem residencial, tem bons restaurantes e cafés – inclusive cafés com ótimos espaços para trabalhar, mesas amplas e internet grátis.

Há culinária de todo o tipo e de todos os lugares do mundo, incluindo, claro, ótimas opções de comida mexicana. Todos os lugares são bonitos e agradáveis. Gostamos muito do Café La Oliva, do Restaurante Cabrera 7 e do Cafe Toscano (onde trabalhamos).

Segurança

Este é um dos bairros mais seguros da cidade, onde é possível andar com tranquilidade.

Há policiamento e as ruas ao mesmo tempo que são amplas e calmas, também podem ser bem movimentadas. Há um bom fluxo de pessoas indo e vindo justamente por ser uma região com bons restaurantes.

Diversidade

Justamente por carregar uma história artística, Roma Norte atrai cada vez mais os artistas de todo o mundo.

Lá conhecemos um talentoso escultor vindo do norte do México e uma escritora vinda de Londres. Há pessoas de todas as partes do mundo vivendo em Roma Norte e isso é o que é incrível no bairro: a possibilidade enorme que você tem de conhecer os mais variados tipos de pessoas.


E aí, curtiu as dicas? Tem mais alguma pra compartilhar? Deixe um comentário aqui nos contando!

Se quiser salvar este post para ler depois, salve a imagem abaixo no seu painel do Pinterest! Aproveite e siga nosso perfil por lá clicando aqui!

Uma fotógrafa que ama fotografar (claro!), viajar, comer, beber, fazer compras, viajar, ler, usar roupas bonitas, ver o pôr do sol, viajar, descobrir coisas novas, decorar a casa, passar horas na Netflix, viajar e conversar sobre todos estes assuntos.